Artigos do Blog

 

Imagine uma pessoa que momentos antes de seguir sua viagem do Brasil para Alemanha inicia o download de um filme por recursos do torrent, na correria que antecede a tão sonhada viagem seu download é interrompido para que o tempo que lhe resta seja dedicado a arrumação das malas e todo o ritual pré-viagem, bom, deu tudo certo, o avião partiu e o período offline durante todo percurso aconteceu. Na primeira noite em seu quarto no país do Chucrute automaticamente o download foi retomado. 

À medida que os dados são organizados, criam significados, um conjunto de informações sustentam o conhecimento necessário para empresas que criam valores intelectuais significativos aos negócios. A informação como ativo pertencente ao conjunto de ideias, inovações e estratégias se tornam parte ou principal propriedade de uma organização, apresentar esse intelecto organizacional a parceiros requer cuidados especiais. Cada vez mais, empresas que valorizam suas informações estão se aperfeiçoando nas avaliações de seus potenciais fornecedores, essas avaliações verificam se os seus parceiros estão adequados a prestar serviços que utilizam de propriedade intelectual da contratante. E o que exatamente é avaliado? Bom, não me surpreende se uma planilha com centenas, sim, é isso mesmo que você leu, centenas de perguntas forem enviadas por clientes com questões que avaliam todo o seu ecossistema de proteção da informação, com perguntas sobre processos, tecnologias e toda governança do pessoal, com exigências de melhores práticas e frameworks que seguem padrões estabelecidos por órgãos competentes no assunto. 

O que pode proteger as instituições de fato é um bom processo de avaliação de seus fornecedores, e o que vai além de uma boa avaliação é de fato saber se os fornecedores cumprem ou estão cumprindo com aquilo que responderam e evidenciaram a partir de suas respostas. E para garantir esse cumprimento é inevitável que um bom contrato seja redigido e assinado entre as partes, contratantes e contratada. Bom, sabendo de tudo isso, é imprescindível o uso de duas cláusulas que comprometem as devidas responsabilidades e sanções entre as partes, são elas; Propriedade Intelectual e da Confidencialidade. 

Propriedade intelectual, compreende que a ideia ou o conjunto de ideias fazem parte da propriedade de uma organização que inclui em seu conjunto de ativos a informação como um bem que representa valor para os seus negócios. Hoje com a transformação digital, é praticamente inexistente organizações de sucesso não dar o devido valor as suas informações e inserir em seus processos de gestão de riscos e segurança da informação um bom modelo de avaliação. 

Outra cláusula importante é a da confidencialidade, como um dos pilares da segurança da informação esse item deixa explicito as responsabilidades sobre o mantimento de informações substanciais em sigilo dentro de um espectro estabelecido pela própria cláusula. 

Neste momento, se imagine na posição de um fornecedor que pretende oferecer o melhor serviço e atingir a confiabilidade ideal em face ao mercado que atua, é indispensável o seu comprometimento, obviamente com o cumprimento de todo contrato, mas quando o assunto envolve Segurança e proteção das informações é com bons olhos que devemos olhar para os aspectos da Propriedade Intelectual e da confidencialidade. Para que sejam cumpridas essas cláusulas uma boa governança de segurança da informação deve ser estabelecida e notoriamente fundamental o comprometimento de todo corpo organizacional. Quando incluímos o fator humano nessa equação, a conscientização é o elemento de sustentabilidade e que promove por meio de seu pessoal conscientizado as melhores práticas de segurança da informação e o comportamento adequado dos colaboradores em prol da proteção das informações em detrimento do respeito e responsabilidade da propriedade intelectual e da confidencialidade desse ativo chamado informação. 

Seja consciente, atue de forma adequada baseado nos treinamentos de segurança da informação e faça questão de conhecer as políticas internas de segurança, outro passo sugerido é, conheça as cláusulas de propriedade intelectual e da confidencialidade, assim, você terá um norte e saberá o seu papel em face a posição que você atua na sua organização. Lembre, toda instituição é um corpo organizacional e todo corpo tem seus membros, você é membro e se torna responsável junto ao corpo.

Ahh, e sobre o download retomado na terra da cerveja, o final da história, uma multa por direitos autorais chegou ao endereço na mesma semana. Essa é uma das sanções que podem contemplar um conjunto de regras, leis e contratos assinados.

Por: Marcos Kavlac | Psycurity campanhas e treinamentos..

 

 

Leia também

Transdisciplinaridade
Reciclare Think.

Transdisciplinaridade

Certo dia, um elefante chegou à cidade pela primeira vez. Um grupo de homens cegos soube da presença do animal e decidiu tentar compreendê-lo pelo toque.

Leia mais »
6 de outubro de 2021

Segurança da Informação

  Imagine uma pessoa que momentos antes de seguir sua viagem do Brasil para Alemanha inicia o download de um filme por recursos do torrent, na […]
29 de setembro de 2021

Parar para acelerar

  Nossos reflexos não estão mais só no espelho. Estão nas selfies. Nas câmeras voltadas para nós mesmos a qualquer momento. E, ao mesmo tempo, somos cada […]
27 de agosto de 2021

Por que os pequenos hábitos são cruciais para a aprendizagem?

Por que os pequenos hábitos sãocruciais para a aprendizagem? Yoga e alemão. Estes são dois aprendizados aos quais decidi me dedicar este ano. Nunca tinha tido […]
29 de julho de 2021

Genética ou Ambiente? Por que vale assistir Três Estranhos Idênticos, no Netflix

É seu primeiro dia de faculdade. Você entra no campus e todo mundo te reconhece e te cumprimenta como um velho amigo, mas você não conhece ninguém. […]
8 de julho de 2021

Aprender e Sentir

Por Nira Bessler, lifelong learner, especialista em aprendizagem de adultos e apaixonada pelo tema. Talvez você tenha pensado em azul ou verde, ou azul turquesa ou […]
10 de junho de 2021

Quando a pandemia passar, você vai tirar a máscara?

Se, por um lado, as máscaras que todos nós tivemos que nos acostumar a usar passaram a ser uma proteção imprescindível contra a maior crise sanitária […]
28 de maio de 2021

Do contraintuitivo ao automático

Por Nira Bessler, lifelong learner, especialista em aprendizagem de adultos e apaixonada pelo tema. Na aprendizagem, antes de chegar ao conforto de fazer as coisas no […]
30 de abril de 2021

Heuta – o quê? Por que a heutagogia vem ganhando força no mundo corporativo

Por Nira Bessler, lifelong learner, especialista em aprendizagem de adultos e apaixonada pelo tema. O que você precisou aprender no trabalho, durante a pandemia? Atenção: a […]
22 de março de 2021

Aprendizagem Ativa, a Competência do Futuro (e do Presente)

Por Nira Bessler, lifelong learner, especialista em aprendizagem de adultos e apaixonada pelo tema. Já ouviu falar em aprendizagem ativa? Segundo o relatório O Futuro do […]
Buy now